Cuidados na criação de pintinhos


Olá pessoal!
Dessa vez encontrei um vídeo bem prático para entender como devemos proceder no ínício da criação de pintinhos. O pesquisador da Embrapa explica os principais cuidados para se obter sucesso com a avicultura.



Gostaram do vídeo?
Agora vamos ler um pouco sobre o manejo comercial e doméstico...


O Manejo dos Pintinhos
Consideramos aqui pintinhos as aves de um dia até quinze dias, quando devido ao empenamento, as aves não precisam mais de calor artificial.


Técnica comercial de manejo
Instalações
Os pintinhos são criados em galpões especiais com face norte e protegidos de ventos fortes. O uso de lanternim é necessário para a correta ventilação.


Círculos de proteção
Dentro dos galpões, utilizam-se separações para até 500 pintinhos chamadas de círculos de proteção. Esses círculos de proteção podem ser feitos de qualquer material, até mesmo de papelão ou se o orçamento permitir eucatex. Com aproximadamente 50 cm de altura a sua função é conservar as aves na região aquecida e evitar correntes de ar frio.  O diâmetro desses círculos dependerão do diâmetro da campânula a gás. A borda do círculo deve ser mantido a 60 cm da borda da campânula nos primeiro dias e depois pode ser afastada chegando até um 2 metros à medida que as aves crescem.


Campânulas a gás
Normalmente utilizam-se campânulas à gás, embora possam ser utilizadas elétricas, pois as primeiras não estão sujeitas a falta de energia e são de operação mais barata.
As campânulas a gás são irradiadores de calor no formato de guarda-chuvas que ficam suspensos no centro dos círculos de proteção. A altura da campânula vai variar conforme a temperatura medida com termômetro na altura do dorso dos pintinhos. Para a primeira semana de vida das aves regule a campânula para 35º  a 37º C. Abaixe dois graus centígrados por semana até atingir 21º C ou a temperatura ambiente. 
O aquecimento é um fator crítico que não pode ser ignorado. Apesar das temperaturas recomendadas acima, o criador deve utilizar o bom-senso e observar se o lote apresenta sinais de desconforto. Um lote de pintinhos sob manejo adequado apresenta-se uniformemente distribuídos na área dos círculos de proteção, comendo e bebendo com naturalidade. Aves ajuntadas sob a campânulas indicam temperatura baixa ou má distribuição dessa temperatura, aves inertes ou ofegantes indicam excesso de temperatura, Aves ajuntadas em cantos do círculo podem indicar haver correntes de ar frio. Havendo qualquer um desses sinais, verifique a temperatura, e também a acuidade do termômetro utilizado. Corrija a situação com a urgência possível.


Cama
Cama é o nome que se dá à cobertura espalhado sobre o chão tanto para absorver a sujeira e umidade produzida, quanto para fornecer isolamento térmico do chão e conforto para as aves. A cama deve ser feita de material absorvente, não escorregadio, barato e não tóxico. O mais recomendável é maravalha de madeira, o uso de serragem fina deve ser evitado pois no início as aves podem ingerí-la, o que pode até levá-las à morte por bloqueamento do papo. Também se pode utilizar feno, materiais triturados, como o sabugo de milho ou outras palhas. O jornal não deve ser utilizado pois além de escorregadio, absorve e retém a umidade, formando zonas de grande umidade.


Iluminação
Há dois sistemas o chamado black out e o brown out. No primeiro, toda a iluminação externa é eliminada e os programas de luz são totalmente controlados artificialmente. No segundo, é exercido apenas um controle relativo da iluminação, aproveitando parte da luz do dia.
Os programas de iluminação são muito úteis tanto para um melhor aproveitamento da alimentação na granjas de aves de corte, quanto para controlar o amadurecimento das galinhas em granjas de ovos. Programas eficientes e bem controlados de iluminação, por vezes até complexos,  são tão importantes quanto a qualidade da alimentação para que as aves alcancem o melhor de seu potencial genético. No entanto, no período de 15 dias aqui abrangidos, essa iluminação não tem grande influência no futuro das aves. Para esse período o criador pode fornecer luz constante durante os primeiros dois dias de vida e depois passar a fornecer a luz normal do dia ou se houver controle artificial da iluminação, 15 horas diárias de iluminação para as aves de corte e 12 horas de luz para as aves destinadas à produção de ovos.


Alimentação e Água
Os pintinhos quando nascem carregam dentro de seu abdômen um resto do saco vitelino. Isso lhes permite passar sem água ou comida por um ou até dois dias. Contudo, isso não significa que seja melhor para as aves passar por um período de jejum. Quanto antes a ave começar a ingerir água e alimento mais garantida estará a sua sobrevivência. Assim que receber os pintinhos e os colocar nos círculos de proteção pré-aquecidos a 32º C, ofereça apenas água por algumas horas. Estimule-os a beber, batendo com o dedo na água. Após esse período de hidratação, ofereça ração inicial  para pintinhos em bandejas de papelão ou folhas de papel sobre a cama. À medida que as aves aprendem a procurar pela ração, você pode passar a usar comedouros para evitar o desperdício e a mistura da ração com a sujeira do chão.



Manejo doméstico
Enquanto no manejo comercial a unidade com que se lida são lotes de quinhentos pintinhos, no manejo doméstico normalmente estaremos tratando do manejo de 01 até 10 pintinhos. Embora nada impeça que esse manejo seja aplicado para até uns 50 pintinhos. Para lotes maiores, talvez seja melhor utilizar o modelo comercial que é mais eficiente.


Instalações
Na lida com pequenas quantidades de aves são desnecessárias instalações específicas. Qualquer canto da casa serve para abrigar a caixa com os pintinhos. Basta que seja seco e livre de correntes de ar.


Caixa de Papelão
Em sua primeira semana de vida, os pintinhos ocupam pouco espaço e fazem pouca sujeira, assim, uma caixa de papelão será suficiente para mantê-los aquecidos e confortáveis nesse período inicial de suas vidas. No entanto, eles crescem rápido e com quinze dias de vida é provável que não caibam mais no mesmo espaço que cabiam na primeira semana.
Se você quiser mantê-los na mesma caixa até os quinze dias de idade, calcule, para aves de porte médio ou grande, 20 cmpor ave, para aves menores você pode calcular a metade desse espaço.
Verifique se a caixa que você vai usar não tem cheiros ou elementos que possam ser tóxicos às aves. A caixa deve estar limpa e não apresentar nenhum sinal de umidade. Embora a caixa sirva para evitar correntes de ar e para conter as aves, é necessário que tenha boa ventilação para não sufocar os pintinhos. Por isso, é melhor utilizar um caixa alta.


Lâmpadas para aquecimento
Dificilmente haverá um sistema mais prático para aquecer um lote pequeno de aves do que uma lâmpada. Prenda a lâmpada acima das aves, certificando-se de ela encontra-se a uma distância segura que evite choques elétricos ou queimaduras nas aves. A temperatura a ser mantida deve ser em torno de 32º C nos primeiros dois dias. Depois pode ser baixada para 27º C e ir descendo alguns graus por dia até os quinze dias, quando não deve mais ser necessário o aquecimento artificial. No entanto, o criador deve permanecer atento e procurar por sinais de desconforto entre as aves. Aves caídas e/ou ofegantes indicam excesso de calor, aves que piam muito, ficam todas agrupadas logo abaixo da lâmpada estarão certamente com frio. Os pintinhos quando sentem-se aquecidos não costumam piar muito e se o fazem é um piado baixinho. Normalmente, se um pintinho está piando muito ele está com frio por insuficiência de aquecimento artificial ou porque se molhou no bebedouro. Em quaisquer das hipóteses acima procure sanar o problema o mais rápido possível.


Cama
Embora você deva forrar o fundo da caixa com jornal, não deixe os pintinhos diretamente sobre o jornal por que, além de escorregadio, o jornal ainda acumula muita umidade. Sobre o jornal você pode colocar feno picado, maravalha de madeira ou mesmo, papel toalha  picado. Não use serragem fina de madeira porque os pintinhos podem ingeri-la no início acabando por ter problemas como o entupimento de seus papos. Evite deixar as aves sobre superfície úmida ou suja, trocando a cama regularmente.


Alimentação e Água
Na alimentação das aves, você pode utilizar os equipamentos à venda para passarinhos. Comedouros e bebedouros que evitem a entrada das aves dentro do alimento ou da água são os mais indicados.
Para iniciar seu lote de pintinhos na ingestão de água, bata com o dedo na água do bebedouro até que eles se interessem e venham verificar do que se trata. Normalmente eles são bastante curiosos e não demoram a descobrir a água.
O alimento a princípio deve ser espalhado sobre um pires ou mesmo sobre um papel no chão, você pode usar a mesma técnica utilizada no parágrafo anterior para atrair a atenção das aves. Quando eles houverem acostumado a procurar comida em um lugar, coloque os comedouros próximos àquele lugar e verifique se eles estão se alimentando adequadamente. Se tudo correr bem, pare de colocar comida no chão e use exclusivamente os comedouros para tal fim.
Os pintinhos desde a mais tenra idade já apresentam o comportamento de ciscar enquanto comem, por isso, a utilização de comedouros com tampa ou que não permitam que as aves entrem dentro dele para comer são os mais indicados para evitar o desperdício de ração.
Nessa fase do desenvolvimento, utilize somente ração inicial para pintos. Não coloque medicamentos na água de beber, pois a ração já vem medicada. No entanto, se observar aves doentes, separe-as e adicione um comprimido de sulfadiazina desmanchado na água de beber. Em geral isso é suficiente para curar a ave.
Algumas pessoas colocam uma colher de sopa de açúcar na água dos pintinhos nas primeiras 24 horas. Se suas aves aparentarem muita fraqueza, talvez isso ajude um pouco, normalmente não é necessário. Em nossa criação nunca utilizamos tal procedimento.


Iluminação
Como seu aquecimento será feito com uma lâmpada, provavelmente as aves serão criadas com 24 horas de luz até a idade de 15 dias. Esse é o procedimento em nossa criação. Não observamos nenhum inconveniente até a presente data. As lâmpada pode ser branca, amarela ou azul. Evite utilizar lâmpadas vermelhas ou luzes muito brilhantes pois isso pode estressar as aves. É melhor utilizar duas lâmpadas mais fracas do que uma muito forte.


Fonte: http://goads.tripod.com/pintinho.htm
1 Response
  1. Geraldo Bive Says:

    gostei bastante pela informaçao nos cuidados a ter dos pintinhos


Caros internautas,
Para receber resposta não esqueçam de fornecer o e-mail para contato.

Obrigada!

Agrobase » Emprego Zootecnista

Agrobase Concursos Públicos » Zootecnia